Produtos > ZUMA_NFC-e

NFC-e

Z&M Sistemas lançou o novo módulo fiscal NFC-e (Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica). Ele tem tem por objetivo implantar um modelo nacional de documento fiscal eletrônico em substituição à emissão de cupons fiscais em papel. A mudança reduz custos com equipamentos, simplifica as obrigações acessórias dos contribuintes e permite o acompanhamento em tempo real das operações comerciais pelo Fisco.
O seu diferencial está em ser um documento fiscal emitido e armazenado especificamente de forma eletrônica, com o intuito de documentar operações, cuja validade jurídica é garantida por meio de Assinatura Digital do emitente.

Desburocratização:A NFC-e faz parte de uma prioridade do Poder Executivo Estadual para desburocratizar serviços aliando ferramentas de gestão e tecnologia e, consequentemente, prestar serviços mais ágeis para população. Ela visa a dar mais competitividade aos empreendedores que investem e geram renda e emprego. A NFC-e busca a redução dos custos de transação entre Fisco e contribuinte, ao mesmo tempo em que aumenta a segurança das transações.

Benefícios para os Lojistas:

   • Simplificação nos procedimentos de registro fiscal; 
   • Padrão único (nacional) de Documento Fiscal; 
   • Redução de custos com aquisição e manutenção de equipamentos emissores de cupom fiscal e com a homologação        de softwares; 
   • Redução de obrigações acessórias; 
   • Dispensa da emissão do DANFE NFC-e em papel, a depender da opção do consumidor; 
   • Confiabilidade dos dados.

Benefícios para a Administração Tributária: 
   • Acompanhamento em tempo real e com total segurança das operações comerciais realizadas; 
   • Aumento da confiabilidade dos Documentos Fiscais emitidos; 
   • Facilidades no controle fiscal e no compartilhamento de informações entre as Administrações Tributárias e outros           órgãos de regulação e controle; 
   • Integração com a Escrituração Fiscal Digital (EFD); 
   • Diminuição da sonegação, com consequente aumento da arrecadação.

 

Benefícos para o Consumidor: 
• Confirmação em tempo real da veracidade da nota; 
• Diminuição da sonegação fiscal e aumento da arrecadação, gerando mais recursos para serem aplicados nas                 

 atividades do Estado e programas sociais do Governo.